Archive for August, 2006

Eu amo meu primo Enéas

Thursday, August 31st, 2006
Fala sério, tinha que ser meu primo!!! Ele, sim, o Enéas, a figuraça mais figuraça de Feira de Santana, me escreveu há alguns minutos contando que fez uma boa ação hoje: uma gatinha aparentemente doente apareceu na casa dele e ele não deixou que o cachorro dele a devorasse (primeira boa ação do dia!).
Thumbs Up
Depois chamou o Depto. de Zoonose da Prefeitura que imediatamente mandou uma veterinária ao local (segunda boa açãodo dia). Agora caiu um pano de prato aqui: isso só acontece na Bahia, por que em SP ou aqui ia levar dias!! Enfim, ela constatou que a gatinha estava grávida, mas não ia conseguir dar à luz sozinha e a levou para o centro com bastante cuidado e carinho, dizendo que ia cuidar dela, mas que talvez os gatinhos não sobrevivessem…
Veterinarian
Não bastando tudo isso, ele ainda diz que a veterinária não cobrou nada e que se tivesse cobrado, mandava metade da conta pra mim (terceira boa ação do dia!).
Blowing A Kiss
Agora me digam: ele não é o máximo? Tinha que ser, né… é aquariano como eu (nasceu um dia e muitos, muitos anos antes que eu, hahahaha) e tem um coração maior que ele!!!!
Enéas, valeu!!! Você já tem garantida a sua nuvenzinha de pelinhos de gatos lá no ceuzinho deles!!! E eu publicamente digo: TE AMO!!! E diz pra Verinha não ficar com ciúmes que eu a amo também!
Spray I Love You
Ah, claro, antes que eu me esqueça: ele agora tem banda larga, ou seja, na família Viegas, só falta minha irmã Wânia que está atravancando o progresso no Tatuapé por que ainda tem linha discada!!! Ali, larga, só a bunda dela mesmo, hahaha, fala sério, tsc tsc tsc
Moony 1

Você é um mala???

Thursday, August 31st, 2006
10 maneiras de descobrir se você é MALA!!!
(especialmente pras Gorduchas e pra toda a turma que frequenta a obra do Pedreiro!!!)

Se você se encaixa em alguns desses itens, você é UM BELO “MALA“:

1. Almoço em grupo. Mesa retangular. Um de seus colegas, o Fulano, se senta numa das pontas da mesa. A primeira coisa que você diz é: “O Fulano vai pagar a conta”. Você é um MALA.

2. Início da madrugada. 1h16 a.m. Alguém lhe diz: “cara, amanhã vou acordar às 7h”. Você se apressa em dizer:” Amanhã não. Hoje”. Você é um MALA.

3. Seu colega chegou mais tarde no trabalho e resolveu almoçar em casa. Quando ele chega ao local de trabalho, você o convida para almoçar e ele lhe esclarece que já almoçou. ?? quando você, ágil como um sapo apanhando uma mosca, solta a Frase:'”então você já veio comido?”. Seu babacão… MALA.

4. Ou pior, o seu amigo chega atrasado no serviço e diz sorrindo: “Bom dia” e você responde: “Boa tarde!!!”. Você é um MALA.

5. Quando as pessoas estão cantando parabéns, você tenta embolar a cantoria, gritando os versos do início da música, enquanto todos já estão no meio da canção. Bingo!!! Você é um MALA.

6. Você fica rindo quando um homem diz que tem 24 anos, aludindo ao número do veado no jogo do bicho. Você é um MALA.

7. Você faz alguma piada quando alguém diz que é do signo de virgem. Vai ser MALA assim na casa do caralho…

8. Você diz para um amigo: “se esconda” quando passa o carro da polícia. Você é um MALA.

9. Quando uma mulher diz que está “de saco cheio”, você diz que isso não é possível porque ela não tem saco. Precisa dizer de novo ? Seu MALA!

10. Se a anfitriã anuncia: “Temos pavê de sobremesa” e você pergunta: ‘”é pra vê ou pra comer?” Puta que pariu, como você é MALA!!!

Se você tiver medo de mandar este texto para seu amigo, aquele que se enquadra num montão destas possíveis situações, não só ele, mas você também é um MALA!!!

Red Hat
Ah, claro, sem contar aqueles que colocam chifrinho na gente quando vamos tirar foto… esse é um mala duplo!!!!!

Indenização, tô nessa!

Thursday, August 31st, 2006

Uia, vejam o que a minha amigona Lílian me enviou, que notícia boa: Funcionária é indenizada por ouvir palavrão do chefe. Uhuuu!! Que bom que já existe jurisprudência, isso significa que… peraí, deixa eu fazer as contas do quanto eu posso ganhar com iso, hehehehe falando nisso, acho melhor pegar aquele meu gravadorzinho e deixá-lo à mão, vai ser bem útil!!!

Money

Teste sua insanidade

Thursday, August 31st, 2006

… hahaha é bem o meu tipinho, a minha cara!!!!!

I – NO ELEVADOR

1) Quando houver só uma pessoa no elevador, de um tapinha no ombro dela e finja que não foi você

2) Aperte os botões do elevador e finja que eles dão choque. Sorria e faça de novo.

3) Se ofereça para apertar os botões para os outros, mas aperte os botões errados.

4) Deixe cair sua caneta e espere até alguém se oferecer para pega-lá, então grite: “Ei, é minha!”

5) Leve um Banco Imobiliario e pergunte para as pessoas se elas querem jogar.

6) Quando a porta se fechar, fale: “Tudo bem. Não entrem em pânico. Ela abrirá novamente”.

7) Mate moscas que não existem.

8) Grite: “Abraço grupal!”, então force as pessoas a acompanhá-lo.

9) Faça caretas dolorosamente enquanto bate na sua testa e murmure: “Calem a boca, todos vocês, calem a boca!”.

10) Abra sua pasta ou bolsa, e enquanto olha dentro, pergunte: Tem ar suficiente aí dentro?”

11) Fique quieto e parado no canto do elevador, encarando a parede.

12) Encare outro passageiro por um tempo, e grite com horror: ???Você é um deles!”, e recue devagar.

13) Faça barulhos de explosão quando alguém apertar um botão.

14) Encare outro passageiro por um tempo, e fale: “Estou usando meias novas”.

Crazy

Ayrton Mugnaini, meu guru!

Wednesday, August 30th, 2006
Sim, Ayrton Mugnaini. Meu amigo querido, pai do Ivo e dono do maior acervo de cultura de música brasileira e internacional e maior entendedor do assunto (e se não souber, vai atrás de quem sabe!!). E hoje ele comemora mais um aniversário… então…
Birthday Song
Um grande beijo para você, meu querido!!! Que saudades, ah, que saudades…

Até que enfim uma notícia boa!!!

Tuesday, August 29th, 2006
Era tudo mentira, sim, sim, era tudo mentira! Minha querida e amada amiga Hellen que me avisa: ele não tem nada com ela!!!!! O que significa que não vou precisar partir a cara dela, tão bonitinha, de carreira tão promissora e ainda poderei convidá-la para ser madrinha de nossos filhos!!!! Uhuuuuuuuu! Até que enfim uma notícia boa, ai, ai….
Rotating Heart

Escada?

Monday, August 28th, 2006

Gente, amei esta foto… não é o máximo?

Preciso parar de tomar chá…

Monday, August 28th, 2006

Três velhinhas (Adamaris, Iélica e eu) reunidas para um chá da tarde:

– “Puxa, acho que estou ficando esclerosada” comenta uma delas.”Ontem me peguei com a vassoura na mão e não me lembrava se já tinha varrido a casa ou não”.

– “Isso não é nada” diz a outra. “Outro dia eu me vi de pé, ao lado da cama, de camisola, e não sabia se tinha acabado de acordar ou estava me preparando para dormir”.

– “Cruz credo” fez a terceira.”Deus me livre ficar assim! Isola!” e deu três batidinhas na mesa: toc-toc-toc. Olhou para a cara das outras e calmamente emendou: “Esperem um pouco que eu já volto! Tem gente batendo na porta!”

Knitting

Um ano após o Katrina

Sunday, August 27th, 2006

E já faz um ano que o furacão Katrina arrasou com New Orleans… deixa eu aproveitar e mandar um beijo para a minha amiga Kátia Oliveira e sua filha Jessica que moram em Baton Rouge e também foram afetadas pelo furacão. Parabéns a todos que ajudaram na reconstrução da cidade e força e coragem para todos aqueles que perderam tudo. Eu sei que a gente reclama de pequenos problemas com um final de semana ao contrário como o que tive, mas quem passou por um furacão, sabe bem o que é ter um problema!

Hurricane
Beijão, Ká e Jessie!! Saudades de vocês!!!

Dá para voltar no tempo e apagar o final de semana?

Sunday, August 27th, 2006

… tem como voltar no tempo e cancelar os dois últimos dias? Isso mesmo, eu queria apagar este sábado e este domingo de minha agenda. Sabe aqueles dias em que nada dá certo? Tínhamos planejado ir a Floripa neste final de semana pra comer comida mexicana e portuguesa e encontrarmos alguns amigos… chegamos à cidade e fomos direto ao Mercado Municipal… LOTADO!! Estacionamento? Nem pensar e os que achávamos fechavam ao meio-dia… paramos em um que fechava às 14 hs, mas tivemos que andar uns bons quarteirões. Perto dali, uma praça com uma figueira centenária e alguns maloqueiros trintões nos vigiando… resolvemos sair da praça e visitar algumas livrarias e sebos e acabei saindo com a edição especial de Veja sobre a China que tinha perdido. A fome bateu e fomos pra Lagoa da Conceição procurar o restaurante mexicano e… os dois restaurantes mexicanos à beira da lagoa estavam ‘fechados para almoço’… tentamos outro e mais outro e mais outro e… nada, tudo fechado ou em reforma. Fomos então ao Shopping Beira Mar e… era dia de Mc Dia Feliz, ahã, isso mesmo, trocentas crianças barulhentas correndo de um lado para outro na praça de alimentação lotada, óbvio. Mas tudo bem, o tepanyaki de salmão que eu comi tava uma delícia.

Fish And Chips

Aí, pra finalizar o almoço, eu queria tomar um café aromatizado e… claro que naquele shopping só tinha café expresso… então fomos às Lojas Americanas e me entupi de chocolates e barrinhas de cereais e delicados e tudo que foi novidade que encontrei em matéria de doce!

Candy
O passo seguinte era o cinema. Por sorte, vazio. Vimos Trair e Coçar… e até que demos boas risadas (a peça ficou em cartaz durante décadas em SP e eu nunca vi, que vergonha…). Saímos dali, fomos ao hotel e nos deliciamos com programas do tipo “Extreme Make Over” onde o pessoal tenta mudar uma pessoa com roupas novas e maquiagem correta ou reforma uma casa inteira (ah, como eu queria que alguém fizesse isso comigo!) e nos preparamos para o jantar, que seria em um restaurante português.
Portugal

Tava chovendo, tivemos que deixar o carro do outro lado de uma praça enorme e atravessá-la correndo… restaurante tranquilo, vazio, cardápio na mão, estômago nas costas… e eu vejo o aviso que não estavam aceitando cartão de crédito naquele dia porque a máquina estava com problema e Nemo Nox e eu sem cheque e com pouco dinheiro na carteira já que somos pessoas modernas, cosmopolitas e que só pagam tudo com cartão de crédito… tá… atravessa a praça na chuva, correndo, e vamos ao Restaurante do Guto, uma casa de massas perto do hotel. Lotada… achamos uma mesinha perto da porta na seção de fumantes mesmo… fizemos o pedido… a casa tava cheia… lógico que demorou pra chegar… como estou na fase do tô-comendo-menos-pra-ver-se-o-estômago-diminui-e-eu-chego-no-verão-podendo-usar-minha-calça-jeans-cintura-baixa, comi o suficiente e pedi para embrulhar a outra metade para eu comer na janta de hoje. O garçom vem e coloca na mesa ao lado da vela acesa e se eu não sou espertinha e mais rápida que o vento, o restaurante tava apagando o fogo até agora! O garçom esperto colocou o saco plástico com a comida embrulhada pra viagem ao lado da vela e a brisa que vinha da janela levava a chama bem pro lado do saco plástico… casa lotada… produto altamente inflamável… um prato cheio para uma boa tragédia, não?

Candle
Bom, princípio de incêndio evitado, fomos para o carro e… um gato morto, deitadinho no chão, na chuva, todo duro, mortinho da silva, provavelmente por veneno, bem ao lado do meu carro… nem é preciso dizer que acabou o meu dia e eu já queria voltar dali pra casa pra ver os meus gatinhos… mas tudo bem, voltamos ao hotel e tentamos dormir após contabilizarmos tantos pontos negativos. Até aquele momento…
Black Cat 2 Tombstone
Noite fria e chuvosa e eu sonhando com trabalhos que tenho que fazer na empresa, prazos de entrega, telefonemas e confirmações para um evento fora do país… acordei mais cansada! Mas estava sol e a temperatura boa, fomos para o café da manhã. Voltamos, arrumamos as coisas (e eu com a maldita mania de arrumar cama de quarto de hotel, ai, ai! Acho que nasci camareira na outra encarnação, hehehe), fomos fazer o check-out e os amigos ligam para desmarcar o almoço porque um deles não estava bem de saúde. Falei pro Nemo: “Ah, desisto, Floripa tão cedo nem pensar, vamos embora, vamos almoçar em casa. Que tal um sushi?”
Sushi
Rumamos de volta a Balneário Camboriú e uns 20 min e alguns bons kms rodados e eu me lembrei que a janta tinha ficado dentro do frigobar (arrrghhh, um pesto tão gostoso!). Tá, tudo bem, deixa pra lá. Rodovia tranquila, tempo bom, chegamos bem em casa e os gatos estavam todos sadios e felizes com a nossa volta. Guardamos as coisas e fomos comer nosso sushi e… o restaurante tava fechado!!!!!!!!!

Very Angry
E é nessas horas que um shopping sempre nos ajuda… pedi uma boa salada tropical com alface, rúcula, ricota e frutas da estação (e um lindo fio de cabelo comprido que fiz de conta que não era comigo) e me desesperei quando vi um dos peixes do aquário à nossa frente nadando meio que ‘de lado’, de forma estranha… chamei uma mulher que trabalhava na área de alimentação e que parecia pertencer ao staff da administração… era a chefe de limpeza (bem arrumada ela, viu? Causou boa impressão… o que não faz um bom uniforme!) que disse “ah, esse peixe é assim mesmo, nada sempre torto”. Não satisfeita com a resposta, procurei o telefone dos responsáveis pelo aquário e telefonei. Surpresa!!! Eles estavam abertos e uma funcionária super simpática me acalmou dizendo que aquele peixe era assim mesmo, nadava torto, às vezes ficava de ponta cabeça, etc e tal, mas que de qualquer forma ia mandar alguém dar uma olhada pra ver se a bomba de oxigênio tava funcionando direitinho e me agradeceu muito pela preocupação.
Fishy
Fechei o almoço com a sensação do dever cumprido (pelo menos eu fiquei tranquila de que o peixe não ia morrer, pelo menos não naquela hora!!!) e um bom café aromatizado sabor avelã torrada. Agora é ficar em casa, dar o final de semana como anulado, me sentar quietinha no sofá para ver a entrega do Emmy pelo canal Sony e ir dormir esperando que amanhã seja um novo, bom dia!!!
Do Not Disturb
Ps.: alguém aí botou olhou gordo quando eu disse que ia pra Floripa no final de semana, hem, hem??? Me aguarde… vai ter volta!!!
Grrr